Tribunal Regional Federal da 1ª Região

início

Comunicação Social

Imprensa

Notícias

Profissionais formados em Gestão de Agro...

Ir para Menu Ir para Conteúdo Ir para Busca Ir para Mapa Ir para Acessibilidade

Notícias

Profissionais formados em Gestão de Agronegócios devem registrar-se nos Conselhos Regionais de Administração

17/01/13 11:00

Profissionais formados em Gestão de Agronegócios devem registrar-se nos Conselhos Regionais de Administração

Por unanimidade, a 8.ª Turma deu provimento a recurso proposto por analista de agronegócio que teve o registro profissional negado pelo Conselho Regional de Administração de Minas Gerais (CRA/MG), sob o argumento de que o referido curso “possui maior afinidade com o curso de economia”.

 

O analista recorreu contra a sentença, que julgou improcedente o pedido, ao fundamento de que “o Ministério do Trabalho classifica o analista de agronegócio (gestor) como sinônimo de economista”. O Juízo de primeiro grau entendeu que “não há como compelir o CRA/MG a inserir em seus registros, profissional com qualificação diversa daquela que lhe compete fiscalizar”.

 

Na apelação, o recorrente sustenta que possui qualificação acadêmica necessária, porque concluiu o curso de formação específica, na forma disciplinada pela Resolução 1, de 27/01/1999, da Câmara de Educação Superior do Conselho Nacional de Educação, preenchendo os requisitos legais para a obtenção do registro prévio.

 

Ao analisar o caso, a relatora, desembargadora federal Maria do Carmo Cardoso, deu razão ao apelante. Segundo a magistrada, o Conselho Federal de Administração (CFA) editou a Resolução 374, de 12/11/2009, que aprovou o registro profissional nos Conselhos Regionais de Administração dos diplomados em curso superior de Tecnologia em determinada área de Administração, dentre os quais o Curso Superior de Gestão em Agronegócio e Gestão de Agronegócios.

 

“Nesse sentido, não assiste razão o Conselho, ora impetrado, ao afirmar que o curso de gestão de agronegócio possui maior afinidade com o curso de economia”, afirmou a relatora em seu voto.

 

Com tais fundamentos, deu provimento à apelação.

 

Processo n.º 0012606-98.2006.4.01.3811

 

JC

 

 

Assessoria de Comunicação Social

Tribunal Regional Federal da 1.ª Região

 

 

 

 

Edifício Sede I: SAU/SUL Quadra 2, Bloco A, Praça dos Tribunais Superiores

CEP: 70070-900 Brasília/DF - Telefone: (61) 3314-5225

CNPJ: 03.658.507/0001-25